google-site-verification=TIlu7FS_zlCJGnuAAh7iaIgmPBOWlfbGblM-WVr0les
Portes grátis em todas as compras para Portugal Continental. Devido ao COVID-19 as encomendas poderão demorar até uma semana a serem processadas. Agradecemos a compreensão.

A Raposa Matreira

  • Jane Austen - Jack e Alice / Amor e Amizade - Novo

Jane Austen - Jack e Alice / Amor e Amizade - Novo

15,00 €  

Jack e Alice (1787) e Amor e Amizade (1790) são novelas que permitem conhecer o início de Jane Austen como escritora.
Nestes escritos adolescentes, podemos ver o seu sentido de humor, a atenção ao que de ridículo existe nas relações sociais e o distanciamento da ficção sentimental. Observamos ainda o modo como Jane Austen procurava as palavras mais certeiras, as mudanças de atitude em relação às personagens e ao estilo, o pendor para os jogos de palavras e a subtileza da imaginação.
G. K. Chesterton considerou a jovem Austen “naturalmente exuberante” e colocou-a na tradição de Rabelais e Dickens. Virginia Woolf sublinhou igualmente o humor dos seus primeiros escritos, “talentosos, acessíveis, repletos de humor, que se conjuga com a inteira liberdade para o nonsense”.
Desde os onze anos, Jane Austen construiu-se deliberadamente como autora. Passou a limpo vinte e sete histórias precoces em três cadernos, incluindo uma história paródica de Inglaterra, que escreveu com apenas quinze anos.
O fim dos seus escritos juvenis é habitualmente identificado com Lady Susan (1793-94), um romance epistolar como Amor e Amizade e igualmente pensado como divertimento para a sua família. Mas Jack e Alice e Amor e Amizade não são exemplos de aprendizagem, mas obras que possuem valor próprio.

×